Borba Gato na Paulista: Eu apóio essa campanha.

sexta-feira, 1 fevereiro at 6:49 pm 6 comentários

borba270108.jpgVamos lá: a primeira vez que eu ouvi falar do Borba foi no fim do ano passado. Eu mandei uma mensagem para um amigo que estava no Rio e tinha ido visitar o Cristo e ele respondeu dizendo “ainda prefiro o Borba Gato”. Sabe quando todo mundo ao seu redor conta uma piada interna e você é externo? Foi assim que eu me senti. Quem diabos é Borba Gato e porque alguém o preferiria ao Cristo?

Minha primeira reação foi a óbvia: consultar o oráculo. Ele me contou que Borba Gato foi um bandeirante (bem que eu lembrava desse nome), da turma do Fernão Dias. Aqueles portugueses nada gentis que vinham para o Brasil para abrir o sertão, fazer filhos nas índias e levar o ouro embora. Mas isso não me respondia: por que alguém o preferiria ao Cristo?

O meu amigo então me contou a história do Bagulho Maravilha, falou do vídeo com a narração do Pereio (o Marmota conta essa história direitinho) e eu fiquei intrigada: como seria encontrar o Bagulho ao vivo? Mas eu nunca pensei em operacionalizar isso, porque a Avenida Santo Amaro é longe. Muito longe.

Até o dia em que, passeando com gente muito bacana, Marmota faz o comentário: “Se o Borba não estivesse tão longe, a gente poderia visitá-lo”. Quando eu falei que não conhecia o rapaz, eles mudaram de idéia: fomos nós, visitar o bagulho maravilha. No caminho, a Lu contou a história mais linda de todas que envolvem a estátua, o que me fez afeiçoar-me ainda mais a essa peça incompreendida da arte nacional. Quando chegamos lá, a gargalhada foi inevitável. O Bagulho Maravilha é, bem, um bagulho.

Assim nasceu a campanha Leve o Borba Gato para a Avenida Paulista, idealizada pelo Marmota, pelo Trotta e pelo Lello. O manifesto, escrito pelo genial Lello Lopes, explica os motivos nobres para essa mudança:

São Paulo não pode mais esconder as suas virtudes. Chegou a hora de enfrentar o seu destino como principal pólo turístico do Brasil. Para isso, a cidade precisar dar mais brilho ao seu grande marco, a belíssima estátua de Borba Gato, o Bagulho Maravilha.

Escondido nos cafundós de Santo Amaro, o nosso querido Borba é ignorado pelo grande público. Assim, está lançada a campanha Leve o Borba Gato para a Avenida Paulista. Ali, na esquina com a Consolação, ele seria de fato o grande guardião de todos os paulistanos.

Um exemplo de sucesso aconteceu em Paris, quando os franceses colocaram o Arco do Triunfo no meio da Champs-Élysées. Acontecerá a mesma coisa com São Paulo quando o Borba for para a principal avenida da cidade.

Por isso, chegou a hora da sociedade se organizar e convencer as autoridades competentes de que o lugar do Borba é realmente na Paulista.

Eu apóio essa campanha, para que as pessoas estressadas tenham crises de riso todos os dias ao passar ali no cruzamento da avenida mais famosa do país com a Rua da Consolação. E para evitar que mais gente tenha que se deslocar até os cafundós de Santo Amaro para mostrar o bagulho para as amigas caipiras!

Entry filed under: Sao Paulo. Tags: .

Voltando pra casa O dia em que eu fui salva por David Bowie

6 Comentários Add your own

  • 1. Lunna  |  sexta-feira, 1 fevereiro às 8:53 pm

    Borba Gato na avenida Paulista seria no mínimo curioso.
    Abraços

    Curioso é o começo, Lunna! Borba Gato é uma bomba de gás hilariante feita de concreto e ladrilho!

    Responder
  • 2. Lello Lopes  |  sexta-feira, 1 fevereiro às 9:06 pm

    Genial é muiiiita bondade sua. De qualquer forma, obrigado. E agora sim, com a sua adesão, é que a campanha fica completa!!!! Unidos levaremos o Borba pra Paulista.
    Bjs!!

    Avante, companheiro! Não podemos desanimar da luta!!! =P
    Bjos!

    Responder
  • 3. André Marmota  |  sábado, 2 fevereiro às 4:39 am

    Lello genial? Cheirou orégano???😛

    Ai, ficou enciumado… e orégano a gente fuma, não cheira! der! =P

    Responder
  • 4. Marília  |  segunda-feira, 4 fevereiro às 10:38 pm

    Nhá! Deixa o coitado do Borba lá!😛

    Responder
  • 5. Trotta  |  sexta-feira, 8 fevereiro às 3:52 pm

    Carlota, há que se dar o crédito, a idéia da campanha foi mesmo do Lello. E da amiga dele, a cevada. Hahaha!😄

    Beijones!

    Responder
  • 6. Marcelo Rosa  |  quinta-feira, 14 fevereiro às 11:33 pm

    Olha, eu ri muito com a campanha do bagulho, até coloquei no Pistache (http://www.pistachecomcasca.com/2007/07/11/a-inveja-uma-coisa-mesmo/), mas nunca pensei que alguém realmente achasse o bagulho melhor que o Cristo. Espero que o teu amigo esteja brincando.

    Mas, fazer o que…

    Amplexos, e passe no meu boteco.

    MR

    Marcelo,
    a campanha não é jocosa. Tudo o que se escreveu, seja no manifesto, nos posts de apoio ou na comunidade do orkut é real. Nós queremos o Borba na Paulista, cada um por seu motivo individual. E esperamos que as autoridades se sensibilizem frente a esse anseio da população.

    Amplexos,

    Carla

    Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Agenda

fevereiro 2008
D S T Q Q S S
« jan   mar »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
242526272829  

Most Recent Posts


%d blogueiros gostam disto: