Só a Antropofagia nos une

quinta-feira, 29 março at 5:34 pm 5 comentários

É público e notório que comer é a minha forma predileta de conhecer o mundo. Quando falo de viagens que já fiz, sempre tenho um quitute para indicar. Quando falo das viagens que quero fazer, sempre há um desejo de comer um certo doce, uma certa pizza, um certo tempero. Talvez essa seja a melhor explicação para minha briga sem fim com a balança.

A partir desse prelúdio, fica fácil entender porque eu vivo a dizer que quero “comer” pessoas. Quando a coisa é muito boa, o adjetivo favorito é “gostoso”. Quando é muito ótima (existe isso?), é “delicioso”. E isso não tem nenhuma conotação sexual, apesar da do senso comum ao redor do verbo “comer”.

Falo em comer mesmo, deglutir, engolir. Antropofagizar para adquirir as características do guerreiro morto, como as civilizações primitivas (guerreiros covardes nunca eram comidos, afinal).

Foi pensando nessa questão que surgiu a idéia de fazer a lista das pessoas que eu quero comer. Comer, nhac, nhac, nhac, para adquirir de cada uma um pedacinho. Aquele pedacinho que as faz especiais demais para mim.

(Essa lista mescla pessoas muito famosas, pouco famosas, nada famosas, famosas no clubinho e outras classificações de fama que você pode imaginar aí.)

  1. Rafael Orlando: (Esse não é o nome dele, mas eu gosto de chamá-lo de Orlando) O Rafa é o irmão que eu escolhi. Uma espécie de irmão mais velho, que me puxa o tempo todo e me dá vários chacoalhões quando eu faço decisões não tão certas assim. Aquele irmão que na hora de ferver, ferve MESMO, porque está ali para as coisas boas e ruins. Ele é pós-moderno e isso não tem nada a ver com balanços. Minha maior fonte de sons nórdicos. Um gostoso que faz muita falta quando eu quero tomar café. Milk shake de Rafa é bom para quem quer – ou precisa – entender o lugar do Psicólogo na Pós Modernidade. Ou apenas ouvir sons bons!
  2. Bono Vox: Clichê total, eu sei. Mas é impossível para mim não fechar os olhos ao ouvir I Still Haven´t Found What I´m Looking For. É uma oração, já percebeu? Sopa de Bono deve ser boa para aqueles artistas fracassados ou então para aqueles que não sabem o que fazer com o sucesso.
  3. Felipe: Sabe aquele menino que pára em frente às caixas de som e fica balançando a cabeça ao som da música? Todo sério, todo introvertido, todo cabeça, mas ouve um Cascavelettes e curte aquilo com todas as células do seu corpo? Esse é o Felipe. Hamburguer de Felipe para quem não sabe aproveitar as coisas boas da vida.
  4. Maria Bethania: O que é essa mulher? Dei o primeiro suspiro por causa de Bethania ao ouvir “Imitação da Vida”. Ela nem cantava, declamava Álvaro de Campos. Todas as cartas de amor são ridículas. Ah, são. Mas eu escreveria mil cartas de amor inspirada pelas suas canções (que não são suas, eu sei). Souflé de Bethania para dar às emoções o seu devido peso.
  5. Ellen: (Let the gossip begin!) Ela pega os limões e faz limonadas. Ela é inteligente e bonita. Das melhores amigas que alguém pode ter. Eu tenho a leve impressão que ela chega a Presidente do BC, mas isso não é medida para sua luz. Caipirinha de Ellen para quem reclama da vida e não faz nada para melhorar.

E você, quem você comeria?


(Sei lá, me dá a impressão que o coro curte muito mais que o Bono cantar essa música. Não é gostoso?)

Update (06/04/07): Na missa de ontem eu me dei conta disso. Antropofagia não é nada de novo, tampouco exclusivo meu. Tem  coisa mais antropofágica que a Eucaristia?

Anúncios

Entry filed under: amor, pessoas, umbiguices.

27 Citações: O Homem e seus símbolos (Carl G. Jung – org.) 10 000 visitantes e uma promoção

5 Comentários Add your own

  • 1. Oi, sou eu, seu estômago, falando pelo Társis  |  quinta-feira, 29 março às 6:18 pm

    CONCORDO! Pelo menos sem levar em conta as pessoas a serem comidas.

    Minha lista de pessoas que eu queria comer seria bem diferente há tempos atrás, atualmente estou feliz em comer a Gabi – quero dizer, figurativamente, claro…

    Aliás, além da gastronomia, uma forma de catalogar os lugares é tomar um dedo de pinga da região, mas tem que ser da pinga da terra, de preferência de alambique. Faço isso e as vezes me dou bem, mas tenho uma teoria torpe de que de algum modo o lugar influência a qualidade da pinga e um lugar cuja pinga é ruim.. deve ser um lugar ruim!

    Mas uma coisa me intrigou… comer a Maria Bethania???

    Nem metaforicamente. Gosto da voz, embora a MPB pra mim seja modorrenta – agora tai uma pessoa que tem um voz bonita mas parece o ácaro.

    Passo.

    Re: Tarsis, não é comer de comer, é comer de fazer sopa (ou hamburguer, ou milkshake) para adquirir os super poderes daquela pessoa. Por isso que eu comeria a Bethania, pra adquiriri os super poderes dela! (Hmmm, que explicação mais sei lá!)

    Gostei da sua teoria da pinga, usarei na minha próxima viagem!

    Beijos, apareça sempre!

    Responder
  • 2. Oi, sou eu, seu estômago, falando pelo Társis  |  quinta-feira, 29 março às 6:19 pm

    Poutz, desculpe os errinhos… se quiser editar.. sairam acentos indevidos e pleonasmos indecentes… tsc tsc..

    bj

    Nem vi os pleonasmos indecentes e os erros… estou com o chata mode off. =P (Nem vou editar também)

    Responder
  • 3. João Guloso  |  quinta-feira, 29 março às 8:31 pm

    Eu comeria todos os comedores exceto à mim mesmo! Bingo, roubei todo conhecimento digerido por vocês! =P

    Re: Ah, esses kantianos…

    Responder
  • 4. Rafa  |  sexta-feira, 30 março às 1:53 am

    Eu adoro ser chamado de Orlando, também, porque escolhi isso como um pseudo-segundo-nome. Sabe que uma vez fizeram um ofício com meu nome “Rafael Orlando de Guimarães”. Foi cool!
    Me senti lisonjeado pelos super-poderes que me foram conferidos, babe. E, se é que os tenho, só os uso com quem amo.
    Bjus

    Responder
  • 5. Ian.  |  sexta-feira, 30 março às 2:56 am

    quero ser comido por ti.
    me come, vai…

    Re: Você vem no texto da sobremesa. (É que não achei apropriado te comer em um texto quando tua esposa está para chegar. Preciso da permissão dela antes.)

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Agenda

março 2007
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Most Recent Posts


%d blogueiros gostam disto: